sexta-feira, 14 de abril de 2017

A IGREJA É A CASA DOS PORTADORES DE DEFICIÊNCIA

Papa Francisco pede diálogo e inclusão social.

O Papa Francisco também solicitou "uma especial atenção aos nossos irmãos mais frágeis e às minorias mais vulneráveis" que são "a dívida da América Latina".Este empenho missionário, acrescentou, possui também uma dimensão social, que tem como ponto de referência a Doutrina Social da Igreja e cujas prioridades são a inclusão social dos pobres e o compromisso pelo bem comum e a paz social.

Hoje para se ter uma Teologia da Inclusão, que atinja tantos os católicos  como os protestantes (evangélicos), o primeiro passo será rever nossos próprios conceitos com relação às pessoas com deficiência, abandonando conceitos de coitadinhos, vítimas, a visão de deficiência como consequência de castigos ou pecados. Abandonar a posição que nós cristãos sempre tivemos de assistencialistas para com essas pessoas, focá-las como totalmente capazes de ocupar ministérios e atividades nas comunidades religiosas, tanto católicas como protestantes, trazendo-as para serem parte do Corpo de Cristo em total igualdade. Sobretudo, temos que cada vez mais identificar e eliminar do nosso meio os estigmas religiosos.

Segue Vídeo da Visita a Turma da Catequese e Crisma no Parque Dom Paulo Evaristo Arns, todos os sábados as 14:00hs.

Vídeo: Arquivo


Por: Edson Moraes Chepa

Nenhum comentário:

Postar um comentário